Notícias

22.05.2017

Brasil defende título do Sul-Americano Sênior – 2017, em Medellin, na Colômbia

brasil-campeao-sulamericano-senior-648

Conheça a história do torneio. Atenção: inscrições terminam dia 2 de junho. Não Perca!

 

 

Ruy Reinert, Claudio Kiryla, presidente da ABGS, Roberto Gomez, Carlos Cândido e Marcelo Stallone: campeões individual e por equipes, em 2016

 

Depois de sediar a competição em 2015, no Paraná, mas perder o título para a Colômbia, o país com maior número de títulos no torneio, o Brasil voltou a vencer o Campeonato Sul-Americano de Golfe Sênior, em 2016, no Chile, e agora se prepara para defender o título na 39ª edição do torneio, de 1º a 7 de outubro, em Medellin, na Colômbia. As inscrições terminaram dia 2 de junho, mas em breve haverá distribuição de vagas remanescentes e poderemos inscrever novos jogadores. Aguarde!

sulamericano-senior-todos-os-campeoesA Golf Travel preparou um pacote especial para a delegação brasileira. O hotel escolhido é o Dann Carlton, o melhor hotel 5 estrelas da cidade, muito bem localizado no bairro comercial e financeiro El Poblado, próximo ao centro e com fácil acesso a shoppings, restaurantes e atrações de Medellin. Deste hotel haverá o transporte exclusivo da ABGS para os campos de golfe e para as cerimônias. Informação importante: não haverá golf carts, a organização providenciará caddies para todos os jogadores.

Clique aqui para ver o pacote completo e a programação do Sul-Americano Sênior.

As inscrições e pacotes de viagem deverão ser reservados com a Golf Travel.

Telefone: (11) 3262-1050

História

 O Brasil já venceu quatro vezes o Sul-Americano Sênior desde que a competição começou a ser jogada, em 1978. O primeiro título brasileiro foi conquistado logo no ano seguinte, em 1979, no Gávea Golf & Country Club, no Rio de Janeiro.

O Brasil foi campeão ainda em 1984 e em 1992, mas teve que esperar 24 anos, para voltar a vencer o torneio, em 2016. Com o título conquistado em 2015, no Paraná, a Colômbia passou a ser o maior ganhador do Sul-Americano, com 12 títulos, contra 11 da Argentina.

Múltiplos ganhadores – Chile, com seis títulos, Brasil, com quatro e Venezuela, com dois, são os outros únicos múltiplos ganhadores do torneio. Peru, Paraguai e Uruguai venceram uma vez cada. Chile (2010 a 2012) e Colômbia (2001 a 2003) são os únicos tricampeões do torneio (três títulos seguidos). O Brasil tenta se tornar, este ano, o terceiro bicampeão sênior sul-americano, repetindo o que a Argentina já fez duas vezes (1999 e 2000; e 1988 e 1999). Ninguém mais defendeu seu título com sucesso até hoje.

Em 2016, em Santiago, no Chile, além de voltar com o título de campeão sul-americano individual, com Roberto Gomez, e por equipes, com o time que teve ainda Marcelo Stallone, Carlos Cândido e Ruy Reinert – os dois principais troféus em disputa -, a delegação da ABGS, que representou o Brasil, ganhou ainda mais oito títulos e oito vice-campeonatos individuais.

sulamericano-seniortitulospor-pais

Compartilhe:

próximos Torneios