Notícias

04.09.2018

Mundial Sênior: Equipe da ABGS é destaque na maior competição do mundo da categoria

brasil-no-mundial-senior-2018-650

Brasil foi terceiro colocado scratch e levantou outras seis taças, em Carlsbad, na Califórnia

 

A equipe da Associação Brasileira de Golfe Sênior (ABGS) voltou com resultados expressivos do Campeonato Mundial Sênior, jogado de 25 a 31 de agosto, em dois campos – o Champions Course e o Legends Course – do Omni La Costa Resort & Spa, em Carlsbad, na Califórnia (EUA).

 

Veja o álbum de fotos do torneio

 

Comandado pelo capitão Silvio Cecin, do Belém Novo, o time da ABGS viajou com 10 jogadores, uma das maiores e mais fortes equipes de todos os tempos, e pela primeira vez competiu com uma equipe scratch completa na primeira fase do mundial, de jogos medal play, individuais e países.

premiacao-brasilConquistas – O time do Brasil já estreou bem, com Douglas Black, da Academia GolfRange Campinas; Paul O’Doherty e Frederic Cadier, do São Paulo GC; e Aldo Carboni, Belém Novo, conquistando o terceiro lugar do torneio scratch por equipes e com Douglas Black sendo campeão scratch na sua categoria de idade, de 55 a 59 anos.

Na segunda fase, de Match Play, o destaque foi Mauricio Ferreira, campeão da Brinton Flight ao vencer, sucessivamente, Gregorio Chuljak, do Panamá; Chun Wu, de Taiwan; Schuichiro Schimizu, do Japão; e Tsuneyoshi Oda, também do Japão. Mais uma importante atuação de Ferreira, que em 2017 tinha feito o melhor score net de todo o torneio.

Mais destaques – Outros quatro jogadores brasileiros também ganharam troféus nas chaves de consolação, a começar por Douglas Black campeão da Maytag Beaten 4. Paul O’Doherty foi vice-campeão da Maytag Consolation; Fred Cadier campeão da Beaten 4, e Valter Tonini campeão da Brinton Consolation. Também jogaram Frank Wisbrun, do São Paulo, e Jorge Ongaratto, do Belém Novo.

Em 2017, a equipe do Brasil havia sido campeã mundial sênior com handicap, de virada, sobre o time das Ilhas Jersey, que teve como destaque o ex-campeão mundial de Fórmula 1 Nigel Mansel. Este ano, Nigel Mansel voltou a competir, aos 65 anos, e ganhou pela quinta vez consecutiva a Maytag Flight, a principal chave do Mundial Sênior.

Compartilhe:

próximos Torneios