Notícias

17.05.2024

Aberto ABGS do Estado do Paraná: Douglas Black, do Sapezal, vence de ponta a ponta

douglas-black-recebe-o-trofeu-entrege-por-fernando-braga

Competição foi disputada dias 16, no Clube Curitibano, e dia 17, no Alphaville Graciosa Clube

Fernando Braga entrega o prêmios de campeão para Douglas Black

 

Douglas Black, do Sapezal, conquistou seu segundo título consecutivo da Associação Brasileira de Golfe Sênior ao vencer o 3º Aberto ABGS do Estado do Paraná, disputado no Clube Curitibano, na quinta-feira, 16, e Alphaville Graciosa Clube nesta sexta-feira, 17 de maio. Ambos na Região Metropolitana de Curitiba. Douglas, que vinha de um título na Taça Caipira – Aberto ABGS do Interior Paulista, em abril, jogado em três campos (54 buracos) desta vez fez a melhor volta de cada dia para somar 155 (80-75) tacadas e vencer por seis de vantagem.

Myungsun (Kelly) Jung, do Alphaville Graciosa, foi o vice-campeão scratch, com 161 (84-77) tacadas, seguido de Paul O ‘Doherty, do São Paulo, campeão do primeiro torneio do ano, na  Associação Esportiva São José, que somou 165 (86-79). Marcos Semensato, de Bauru, ficou em quarto, com 173 (91-82), uma tacada à frente de Michel Thó, de Goiânia, vencedor do Torneio ABGS do Dia Internacional da Mulher, no Lago Azul e no Terras de São José, com 174 (92-82).

Handicaps – Na classificação por handicaps índex até 14, os troféus foram para Kelly Jung, campeão com 147 (75-72), e para Delpho Pelosini, do Sapezal, com 156 (76-80). As demais categorias foram disputadas na modalidade stableford net. Na 14,1 a 20, Luis Carlos de Lima, do São Paulo Futebol Clube, venceu com 71 (41-30) pontos, com Humberto Monte Neto, do Iberostar, sendo vice com 65 (36-29).

Veja as fotos da premiação do torneio

abgs-pr-internas

Na 20,1 a 26 o título ficou para Edson Lopes dos Santos, do Riacho Grande, que somou 68 (38-30) pontos. Luiz Carlos Coelho Cunha, do Curitibano, foi o vice-campeão, com 59 (34-25). E na 16,1 a 32, o vencedor foi Alfredo Fernández de Larrea. Do0 São Paulo Futebol Clube, com 72 (41-31) pontos, enquanto Giovani Gionedis, do Alphaville, era vice-campeão, com 69 (42 27).

Idades – Nas categoria por idade, também stableford, Luiz Fernando Cunha Filho, de Londrina ganhou na 55 a 59 anos com 58 (34-24) pontos; Jair Carmona, do Sapezal, venceu na 60 a 65 anos, com 63 (31-32) pontos; Antonio Cezar Zauli, do Poços de Caldas, foi o melhor entre os de 66 a 70 anos, com 63 (31-32); Nelson Sussumi Sato, do Riacho Grande, levou o título da 71 a 75 anos, com 40 (23-17) pontos; e Yocito Fukuda, do Campinas Golf Center, foi o campeão da 76 anos ou mais, com 68 (32-36) pontos.

Entre os pré-seniores (40 a 54 anos, O campeão scratch foi Francisco Ávila Jr., de Goiânia, com 184 (92-92) tacadas. Entre os pré-seniores de handicap índex até 14, venceu André Cunha Simão, do Damha, com 158 (77-81) net. E na 14,1 A 32, na modalidade stableford, José Antônio Amaral Góes, do Imperial, levou o título com 71 (42-29) pontos.

Mais premiados – Entre as mulheres, a campeã scratch foi Kun Hwa (Victoria) Jung, do Alphaville, com 75 (40-35) pontos. Houve ainda uma categoria especial para convidados, que deram um show em campo, com os melhores resultados da semana: Rosário Adamo Alphaville, do Alphaville venceu com 146 (72-74) tacadas, seguido pelo árbitro Rodriguez Laurnagaray, do Curitibano, vice com 148 (73-75)

Fernando Braga, vice-presidente Técnico da ABGS, e o diretor Humberto Monte Neto entregaram os prêmios durante o almoço de confraternização. O torneio foi elogiado por todos, que aproveitaram os passeios e a gastronomia de Curitiba.

Compartilhe: