Notícias

07.06.2024

Campeonato ABGS de SP: Paul O’ Doherty toma susto, mas vence de ponta a ponta, por duas de vantagem

paul-e-grego-hrz

Torneio foi jogado no Quinta da Baroneza e no Fazenda da Grama por golfista de seis estados

 

Ao lado, Grego entrega a Paul O’Doherty o troféu de campeão. Fotos: Thais Pastor/F2

 

Líder por seis tacadas desde a quarta-feira, 5 de junho, na Quinta da Baroneza, em Bragança Paulista, Paul O’Doherty, do São Paulo GC, tomou um susto na rodada final, quinta, 6, no Fazenda da Grama, em Itupeva, quando cedeu o empate nos buracos finais para Valdir Dezan, que jogava em casa, antes de reagir e vencer ponta a ponta o 33º Campeonato ABGS do Estado de São Paulo. O torneio foi válido para o Ranking Nacional da Associação Brasileira de Golfe Sênior (ABGS) e para os rankings scratch sênior e pré-sênior da Federação Paulista de Golfe (FPGolfe).

Paul foi campeão com 158 (77-81) tacadas, duas à frente de Valdir Dezan, que foi o vice-campeão com 160 (83-77), depois de igualar a melhor volta do torneio na rodada final. Valdir, de 73 anos, já jogou sua idade ou abaixo dela uma dezena de vezes em seu clube, onde é sempre um adversário difícil de ser batido. José Batista, da Grama, ficou em terceiro com 171 (84-87), seguido por Michel Thó, de Goiânia, com 173 (86-87), e por Otávio de Lima, de Bastos, quinto com 174 (92-83).

Veja álbum completo com mais de 300 fotos 
internas-sbgs-33-sp

O Campeonato ABGS de SP comprova o sucesso dos torneios de dois dias, que se tornaram a maioria no calendário sênior de 2024, ao receber quase 90 jogadores de seis estados – São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e Goiás – este último com a maior delegação de fora de São Paulo, com quatro jogadores. Cada uma das rodadas teve cerca de 80 jogadores, sendo que alguns jogaram apenas em uma das etapas – outra novidade da ABGS em 2024. As rodadas têm premiação independente, além da geral, somatória dos dois dias, que é a que vale para o ranking.

Handicaps – José Batista terminou em quarto na geral, mas foi o campeão da categoria com até 14 de handicap índex, com 145  (72-73) tacadas net. Antonio Zauli, de Poços de Caldas, foi o vice, com 148 (74-74), e Delpho Pelosini, do Sapezal, completou o pódio em terceiro, com 151 (75-76). As demais categorias foram jogadas na modalidade stableford. Na 14,1 a 20, venceu Juarez Felix da Costa, do Riacho Grande, com 68 (36-32) pontos, seguido por Antonio Lang, do São Paulo Futebol Clube Golfe (SPFCG), com 68 (36-32), que ficou em segundo nos critérios de desempate; e Humberto Monte Neto, do Iberostar da Bahia, com 66 (35-31).

Na 20,1 a 26 Douglas Zarlotin, do Arujá, foi o campeão com 66 (37-29) pontos, seguido por Umberto Facchinei, do Imperial, com 64 (30-34), mesmo total de Paulo Motta, do Riacho Grande que ficou em terceiro nos critérios de desempate ao marcar parciais de 39 e 25 pontos. E na 26,1 a 32, o pódio teve Isaac Dayan, do Riacho Grande, com 74 (34-40) pontos; Alfredo de Larrea, do SPFCG, com 72 (39-33), e Ubirajara Camargo, do São Francisco, com 64 (33-31).

Idades – Nas categoria por idade, Otávio Augusto de Lima, de Bastos, venceu na 55 a 59 anos, com 60 pontos; Almir de Oliveira, do Damha, foi o campeão com 60 a 65 anos, com 64 pontos: Lim Sou, da Fazenda São João Golfe, ganhou na 66 a 70 anos, com 57 pontos; Valdir Dezan foi o melhor na 71 a 75 anos, com 64 pontos; e Sidney Ricco, do SPFCG, levou a melhor na 76 anos ou mais, com 63 pontos.

Entre os pré-seniores (40 a 54 anos, Emerson Godinho, do Vista Verde, foi o campeão gross com 172 (85-87) tacadas. No net até 14, Ronei Machado Costa, da Grama, venceu com 152 (76-76) tacadas, e na 14,1 a 32, ganhou Rogerio Xavier, do Guarujá, com 69 (32-37) pontos. Houve ainda uma categoria para convidados única, com índex até 32, vencida por Leonardo Maruyama, do Sapezal, com 60 (33-27) pontos.

Feminino – Entre as mulheres, Ivanilde Dezan, da Grama, venceu a categoria scratch com 170 (86-84) tacadas, seguida por Ioma de Carvalho, do Gávea, do Rio de Janeiro, com 171 (80-91), que não venceu no gross, mas foi a campeã net de 16,1 a 25, com 155 (72-83) tacadas. E na 25,1 a 32 a campeã foi Vera Dayan, do Riacho Grande, com 47 (22-25) pontos.

Antes da entrega de prêmios e do sorteio de muitos brindes, todos cantaram “Parabéns” para o Nilton Alves, da ABGS, que aniversariou nesta semana. Alexandre Leonardi, diretor Pré-Sênior da ABGS, apresentou a entrega de prêmios que teve a mesa formada ainda por Constantino Ajimasto Junior, o Grego, presidente da ABGS, que voltou a jogar depois de seis meses parado para um cirurgia no ombro; e seus vices Sergio del Porto Santos e Fernando Braga Alves.

O convidado de honra da mesa de premiação foi Mario Lima, presidente do Fazenda da Grama que recebeu elogio de todos não só pela cessão do campo, mas também pela qualidade técnica do percurso; pela atendimento espetacular de sua equipe, do head-pro aos funcionários de campo; pela cozinha do clube; e pelo capricho em todos os detalhes que fazem do Fazenda da Grama um clube diferenciado.

Próxima competição – Ainda dá tempo de participar do 2º Aberto ABGS do Estado do Rio de Janeiro, que vai ser jogado dias 20 e 21 de junho, no campo do Frade Golf Club, em Angra dos Reis (RJ). Aproveite a hospedagem com 50% de desconto. Veja detalhes aqui!

Resultados completos

Compartilhe: